sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Temos de avançar...


Por vezes sentimo-nos encurralados, dando voltas e voltas, indo ali e acolá e quando olhamos com mais atenção verificamos que estamos no mesmo lugar.
Talvez seja normal chegarmos ao mesmo lugar...

Todo o fluir da vida e do nosso pensamento é circular, então partimos de um ponto avançamos e depois de algum tempo vamos estar novamente a olhar o inicio, eu digo a olhar, porque você já não está lá, chegou novamente ao inicio mas numa etapa acima, pois trás consigo a bagagem do conhecimento de todo o circulo. E assim continuamos, espiral acima... sempre avançar...

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Dois médicos mostram como prevenir e reverter a doença cardiovascular


Atualmente a doença cardiovascular  é a nossa principal causa de morte e de deficiência, quantas pessoas conhece que sofreram enfartes, que passaram pela cirurgia do bypass, que têm AVC, que sofrem com a angina de peito? Parece uma epidemia, pois se não é o vizinho da direita, é o da esquerda, se não é a mãe, é a sogra, enfim este problema de obstrução à circulação sanguínea  está em todas as famílias.
Todas estas pessoas têm medico de família, fazem exames, controlam valores e são medicados para o colesterol ( o grande entupidor das artérias), para hipertensão e para todos os sintomas que possam vir a surgir, mas o que não se está à espera acontece, surge o entupimento, vem a dor e chama-se o 112, porque o sangue não passa e não vai onde tinha de ir e células morrem e órgãos ficam lesados.

Nos anos 90, um medico americano apercebeu-se desta situação e com os próprios doentes estudou e conseguiu descobrir como reverter a doença cardiovascular.
Foi o Dr. Dean Ornish, que tem um programa cientificamente validado que reverte a doença cardíaca.
Interessado em saber a formula?
É muito simples, assim como tudo o que é importante para nós.
É um programa de recuperação que assenta em 4 pilares:
- a nutrição
- o exercício
- controlo do stress
- amor ou o apoio da família / sociedade

Este medico e seus pacientes mostraram que a dieta que reverte o entupimento das artérias e veias é uma dieta vegetariana, sem nada de origem animal.
Os pacientes que seguiam a dieta tinham uma redução de 91% nos ataques de angina de peito, ou seja conseguiam uma esperança e uma qualidade de vida  acima dos pacientes que tinham feito a cirurgia do Bypass coronario.
Também recomendava exercícios moderados como o caminhar, e controlo das situações de stress.

O Dr. Esselstyn foi outro medico que  conseguiu melhorar a sua própria angina de peito assim como a dos seus pacientes, com uma dieta baseada em vegetais, por isso pode-se dizer que a dieta, ou melhor aquilo que se come é que agrava ou alivia a doença.

Se você já tem ou é um candidato a ter doença cardiovascular, pense seriamente e caso escolha se curar, tem de deixar de comer tudo o que é de origem animal, assim como tudo aquilo que é produzido pela industria alimentar, e passe a escolher alimentos naturais, alimentos que sempre houve e que a Terra dá para nós comermos, ou seja coma alimentos e não imitação de alimentos.
Deve estar a perguntar-se: " mas tenho de ser totalmente vegetariano? E o churrasco?...o entrecosto? o bacalhau à Brás? "
Fomos habituados a este tipo de alimentação, e nossas papilas gustativas estão domesticadas a estes sabores, mas se queremos não ter ou curar a doença cardiovascular que tem variadíssimos sintomas e problemas, temos mesmo de abandonar tudo o que é de origem animal, e saiba que não lhe faz falta.
Pense nisto...
Sabia que as artérias de um vegetariano dilatam quatro vezes mais do que as de um omnívoro? Logo os vegetarianos nunca vão ter a tensão arterial muito alta, salvo raras exceções, como deficiência de alguns nutrientes.

Os dois médicos indicados acima comprovaram que uma boa dieta vegetariana feita por um ano limpa as artérias, coisa que nenhum medicamento faz.
Mas, se isto é tão miraculoso em resolver, porque não é mais adotado? Porque mais médicos ou especialistas não falam?
Veja que a mudança não é fácil, o que o doente quer e vai à procura é de uma formula miraculosa que lhe resolva o problema, ele não quer mudar, quer tomar um comprimido, mas ao mesmo tempo quer sentar-se á mesa e fazer o que sempre fez, e isto não é possível, é somente remendável por um tempo, ou seja vai-se controlando com os medicamentos, mas a torneira que causa a doença está aberta e mais cedo ou mais tarde, vai-se dar-se algo, e não é por má sorte, nem mesmo pela genética, porque para esta se manifestar você teve que lhe dar as condições, logo o poder está em nós, cabe a nós acatar ou não.
No entanto, penso que era extremamente importante e honesto que as Associações ou Fundações de Cardiologia olhassem para estes dados e pesquizas feitas por colegas médicos, e que dessem a oportunidade aos doentes de escolher se queriam mudar o estilo de vida ou tomar comprimidos, mas as possibilidades que se conhecem de reverter este problema era  apresentada aos doentes, e eles fariam  a sua escolha.

Vou terminar, dizendo a vocês o mesmo que digo a mim: " A Natureza deu-nos o poder de fazermos por nós, cabe a nós querer."

Ganhemos Propósito...


Todos temos propósitos, até mesmo aqueles que têm o propósito de não ter propósito, mas nem todos se inspiram para viver esses propósitos.
Estamos no inicio do ano, altura propicia para arregaçar as mangas e irmos ao trabalho...sim, porque tudo se faz com trabalho...pode ser mental ou físico, mas é sempre preciso investir algo nosso, para que a nós os resultados venham.

A quantidade e a qualidade da sua inspiração é o que determina o resultado do que quer obter, por isso agarre toda essa força de realizar e faça acontecer o que quer.
Patanjali, o indiano que escreveu sobre o ioga muito antes da Era de Cristo, disse:

"Quando você está inspirado por um grande propósito ou algum projeto extraordinário, todos os pensamentos ultrapassam limites, a mente transcende as limitações, consciência expande em todas as direções e você encontra-se em um novo, formidável e maravilhoso mundo. Forças, faculdades e talentos tornam-se vivos, e você descobre ser uma grande pessoa que até mesmo você jamais imaginou ser."
Qual é o seu grande propósito?

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

A Abóbora e seus benefícios na Saude


Para ganharmos mais saúde temos de a nível alimentar retirar os alimentos que mostram ser prejudiciais e introduzir aqueles que indicam ser benéficos para o nosso corpo, aqueles que são ricos em nutrientes, porque se pensarmos bem tudo em nós é formado por nutrientes.
E, ABÓBORA é um dos alimentos a inserir no grupo dos amigos do corpo.

Porque temos de comer abóbora?
 - A sua cor brilhante indica-nos a presença de um fitonutriente que é o caroteno, que converte a vitamina A num super antioxidante que previne a doença cardíaca, o cancro e outros sinais degenerativos do envelhecimento.
Pessoas com problemas de visão devem comer abobora, ela tem na sua composição flavonoides como a criptoxantina, luteína, zeaxantina que destroem os radicais livres, ajudam a proteger a retina do olho, a degeneração macular e a prevenir as cataratas.

- Rica em vitamina C, riboflavina, potássio, cobre, manganês, tiamina, niacina, B6, folato, ferro, magnésio, fosforo, etc.
Sabia que abóbora tem mais potássio que a banana?

- Têm sido feitos estudos que mostram que alguns nutrientes encontrados nas abóboras inibem e previnem alguns problemas de saúde,como o cancro de próstata, por isso homens, pensem na abóbora como vossa amiga, podem ver o estudo aqui.
Um outro estudo foi feito na América, pode ver aqui o estudo, mostra que uma alimentação com alimentos mais da terra como o milho, o feijão e claro a nossa abóbora que têm fitoquímicos importantes, ajudam a reverter a diabetes tipo 2 e a hipertensão. Quem em Portugal tem mais de 50 anos e não toma a famosa metformina e betabloqueadores?
Você vai ao medico, e tem diabetes ou tensão alta, vai ser medicado com químicos que forçam valores considerados normais, mas que não resolvem o problema de base, por isso é que se você deixar de os tomar os valores voltam a estar desequilibrados, o que nos indica que não estamos a resolver o problema, antes a camufla-lo, mas no Mundo cientifico e hoje é possível aceder a isso, pois existem estudos que mostram que nutrientes que são "coisas" muito pequenas que passam para o nosso sangue após a digestão, vão ter ação de solucionar o problema de base, por isso veja a importância dos alimentos.


As Sementes de abóbora
Temos de introduzir sementes na nossa alimentação, as sementes de abóbora são uma fonte concentrada de sais minerais, vitaminas, proteína, ferro e fibra, etc.
Sabia que as sementes de abóbora têm um aminoácido que é o triptofano que uma vez chegado ao cérebro, se converte em GABA que é um nutriente que relaxa o corpo, acalma os nervos, melhora o sono e aumenta a comunicação entre os neurónios?

A semente de abóbora é riquíssima em zinco e a deficiência de zinco está normalmente presente nas pessoas que se constipam (resfriam) com muita facilidade, na depressão, na fadiga cronica, acne, problemas de aprendizagem, no mau desempenho escolar entre outros problemas.

Como comer abóbora?
abóbora pode ser um dos ingredientes do suco da manhã, penso que a maior parte de vós já introduziu esta rotina, a de beber ao acordar um suco verde, se ainda não o fez, o que está à espera? Experimente...
No meu suco matinal eu uso sempre abóbora (de verão uso pepino), uso a polpa e as sementes, e também como cozida. Corto uma fatia grossa de abóbora e cozo em pouca agua e com o lume baixo, de forma a ficar cozida, mas consistente. É muito rápido de fazer, tem um sabor adocicado que liga muito bem com outros legumes e salada. Também pode ser adicionada a sopas.

Há muito mais a saber e talvez a descobrir sobre abóbora, mas o que foi dito penso ser suficiente, para que cada um reflita nos seus problemas de saúde e veja que abóbora é algo tão acessível e que pode ser de muita ajuda. Não estou a dizer que vai resolver os seus problemas de visão, de próstata, cardiovasculares ao comer abóbora, mas vai contribuir na solução do problema, além disso ao preencher o seu prato com abóbora, vai de certeza diminuir a carne que é tão prejudicial ao homem.

Ao compor o seu prato, lembre-se da abóbora...



É o seu coração que decide...


Sempre acreditei que o Poder está em nós, e não estou sozinha nesta fé, o compositor e escritor M.R. Menezes também defende que somos nós os co-autores da nossa Vida:
Diante de um quadro de mudanças, muitos são os que se perguntam: O que devo fazer? A quem seguir? Em quem confiar? Como fica minha religião, o meu sistema de crenças? Como ficam meus filhos, minha família, meu cão? Quem sou eu? De onde vim? Para onde vou?
A resposta para isso tudo parece-me, hoje, muito simples: tudo ocorrerá tal como você desejar em seu coração.
O quê? Simples assim? Não pode ser!
Mas, de fato, assim é…
Afinal, esta é a grande chave, o poder sempre esteve e sempre estará em… Você!
Você necessita apenas…
Estar consigo mesmo, integralmente, incondicionalmente; 
Amar, respeitar e honrar o ser que você é.
Só isso??
Sim…
Parece fácil, mas não é…
Por isso, é hora de pensar grande, e pensar grande significa pensar em… Você…
Olhe atentamente para sua vida…
Observe agora todos os aspectos sombrios e luminosos de sua existência.
Agora imagine a riqueza do somatório de todas essas experiências…
Sim, você fez coisas questionáveis…
Mas também fez coisas memoráveis!
Sim, você errou muitas vezes…
Mas também acertou outras tantas!
Imagine agora se você colocasse tudo isso em um báu,
e retirasse de todas estas experiência os rótulos de “bom” e “mal”, “certo” e “errado”, “luz” e “sombra”.
O que resultaria?
Um magnífico acervo de experiências.
Agora se pergunte…
Será que alguém neste Universo tem um báu exatamente como o meu?
A resposta é não! Ninguém tem um báu como o seu.
UHAU!!!
Acho que você nunca tinha pensado nisso, não é?
A questão agora é… O que fazer com ele, com este báu único?
Alguns falam que devemos destruir, esvaziar, transmutar o báu,
libertarmo-nos de tudo, queimar tudo, incinerar o passado, os egos, os pecados, os desejos…
Pode ser até que funcione… 
Pode ser até que isso seja possível…
Mas… Será que é isso que seu coração realmente quer?

Jogar tudo fora? Suas dores? Suas derrotas? Sua luz e suas sombras?
Eu proponho, então, um outro olhar sobre este baú…
Um olhar generoso,
um olhar amoroso.
Abrace este baú!
Ame tudo o que há dentro dele!
Ame suas memórias sombrias tanto quanto as luminosas.
Ame seus fracassos tanto quanto suas vitórias.
Ame-se integralmente!
E agora ame o báu de todos os outros seres, tanto quanto ama o seu.
Experimente!
Deixe-se levar…
Não selecione nada…
Não exclua nada…
Não julgue…
Não discrimine…
Feito isso… siga a Vida!!!


terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Há que confiar mais na Natureza do Corpo


Estamos no inicio de um ano novo, altura certa para pedir grande, e como o mais importante na vida é a saúde física e mental, porque não pedir uma saúde magnifica, vamos pedir acreditando e confiando que é possível.
Muitos de vós devem estar a pensar "se fosse assim tão fácil...pedíamos e... eramos todos saudáveis", mas como todos sabemos, pedir é o começo da ação, há que agir em conformidade. Vou-vos contar uma historia: Muitos anos antes de Cristo havia um rei, que segundo reza a historia foi muito rico, tinha ouro, tinha servos, parece que tinha tudo o que queria, sabem o que ele pedia a Deus? Sabedoria, foi considerado  como o rei mais sábio e mais rico, mas ele, o rei Salomão não pedia riqueza pedia sabedoria e com ela consegui tudo o que desejou.
O que quero dizer, é que se queremos saúde, temos de pedir Saúde juntamente com sabedoria, amor  e força para agir em conformidade.

Temos de tomar Consciência da Magnitude que Somos...somos um aglomerado de células unidas num grande império, convivem connosco 100 biliões de bactérias, são mais bactérias que células...há uma grande perfeição neste feito que habitamos, para que o coração não pare, para que a respiração continue mesmo quando dormimos, para que a quantidade de insulina seja adequada... para que qualquer arranhão cicatrize, para subir a febre quando entra um invasor, para que nosso coração bombeie 5 litros de sangue por minuto e chegue a todas as celulas, etc...

Esta perceção do que somos leva-nos Amar e a confiar mais no nosso corpo  e no nosso poder de cura, porque nada cura, o que cura é o corpo, nós podemos é ajudar o corpo nessa ação, ou controlar o sintoma e até muitas vezes prejudicar, mas a cura, a solução do desequilíbrio é sempre efetuada pelo corpo.

Para curar uma doença entre varias mudanças, há que ter amor, porque quando não há amor há temor...ou há um ou há outro. Hoje temos uma medicina baseada no temor, por isso é uma medicina que agride, que destrói, que é violenta contra os sintomas, por isso as prescrições medicas são os "anti...", anti inflamatório, antibiótico, anti-histamínico, antidepressivo, anti-qualquer sintoma que tenha. Temos uma medicina de medo, por isso ela corta qualquer coisa que possa agredir, nem dá tempo para a doença se defender, vai-se logo contra ela, por isso tira-se a vesicula, as amígdalas, o quisto, qualquer tumor, tira-se a mama, o útero, a próstata, etc. Mas penso que todos percebemos que quando tiramos algo do nosso corpo ficamos mais pobres biologicamente e quanto mais pobres menos Saúde.

O medo não é a emoção perfeita para impulsionar a Saúde, o medo torna as pessoas reféns, a medicina do futuro vai ter de evoluir e parar com esta forma de controlar as pessoas pelo medo, antes deve lhes dar poder e responsabilidade pela sua capacidade de autocura. Esta ideia de que tem a glicemia acima de 110 é um diabético logo o vai ser para o resto da vida pois a diabetes é uma doença cronica, isto não é uma verdade, é uma crença lançada pelos médicos, pela medicina e por muitos sectores que ganham com o paradigma da doença cronica. É de tal forma consolidado que se formam associações para mentalizar ainda mais essa cronicidade, depois o doente passa a ir a reuniões por exemplo da associação dos diabéticos ou dos fibromialgicos ou outra qualquer e o doente aprende a dizer " eu sou diabético". Para que este doente se recupere, primeiro ele tem de mudar a crença, ele tem de acreditar que tudo pode mudar, que não existem doenças cronicas, que ele só tem de mudar a forma do estilo de vida para mudar o seu corpo, tem de acreditar que hoje tem valores que o identificam como diabético mas que amanha pode se ele quiser não ter e que isto é possível.

Podemos estar a perguntar-nos: "se a doença é uma crise, quando é que vai terminar?"
Para mim, a doença termina de duas maneiras, ou quando o paciente morre ou quando o paciente decide curar-se e prepara a sua mente, seu coração e sua força de vontade e cria todo um protocolo de ajuda ao corpo, não contra o corpo, de forma a se Autocurar.
E como disse o nobel LinusPauling " A medicina do futuro será uma boa nutrição", a nutrição é a base da pirâmide do protocolo da cura do corpo de qualquer pessoa com qualquer doença.

Fico por aqui, quero deixar neste primeiro poste do ano, uma mensagem de esperança, quero dizer-lhe que eu acredito que tudo muda, as doenças também mudam, não podemos é continuar a fazer as mesmas coisas e esperar resultados diferentes, se tem dores, inflamações, alterações fisicas, tente buscar o estilo de vida que ajude o seu corpo a reequilibrar-se, não o agrida antes ajude-o e confie no seu corpo porque nós fomos feitos maravilhosamente.


segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Entre 2016 com o Pé Direito!


Feliz 2016!!!
O que desejo para vós é igual ao que quero para mim - VER SEMPRE O LADO BOM DA VIDA.
Temos de entrar cada ciclo existencial com o "pé direiro", com o coração cheio de Fé, a mente de projetos e o corpo cheio de energia capaz de DAR VIDA a tudo isto.
Ver o lado bom da vida não é "tapar o sol com a peneira" não é "enfiar a cabeça na areia para não ver", é antes fazermos uma escolha de visão porque sabemos que ao ver o lado bom vamos  atrair coisas boas, vamos ser rodeados de energias positivas.

O que passou, já passou, é hora de recomeçar, e recomece com o coração cheio de expectativas boas, com a certeza de que tudo vai dar certo... 
Avancemos juntos neste 2016... beijinho grande a Todos